O Programa ReDes foi construído através de parceria estabelecida em 2010 entre o Instituto Votorantim e o BNDES, que juntos identificaram a oportunidade de investir em estratégias de geração de trabalho e renda, desenvolvidas e geridas por associações e cooperativas, utilizando a capilaridade e conhecimento local das Unidades de Negócio do Grupo Votorantim para potencializar a atuação social em territórios com concentração de pobreza e baixo dinamismo econômico.

De um lado, o BNDES buscava dar efetividade em sua atuação social, pautada no Plano Brasil Sem Miséria. De outro, o Instituto Votorantim, como qualificador da atuação social do Grupo, tinha o interesse em desenvolver ações que contribuíssem para a redução da pobreza e da dependência local e a promoção da diversificação econômica.

A partir da parceria, que contempla recursos da ordem de R$ 62 milhões, 50% provenientes do Fundo Social do BNDES e 50% da Votorantim, foi desenvolvido um modelo de atuação baseado na articulação entre os diversos agentes locais para apoiar o desenvolvimento local. O Programa ReDes implementa projetos de geração de trabalho e renda e constrói uma rede capaz de fortalecer a economia inclusiva, articulada por uma instância participativa com representação dos três setores da sociedade.

Atualmente o programa atua em 28 municípios com indicadores sociais críticos, de 11 estados e o Distrito Federal, e alcança as 5 regiões do país. A definição do modelo de atuação permitiu identificar eixos de ação prioritários: abastecimento alimentar, comércio e serviços, economia criativa e reciclagem.

Iniciado o Programa, a metodologia divide-se em três fases:

i) Reconhecimento dos potenciais produtivos das localidades;

ii) Apoio aos grupos de participação comunitária na definição de sua visão de futuro e planejamento de suas ações e desenvolvimento de planos de negócios inclusivos;

iii) Implementação e monitoramento dos projetos aprovados, com investimento direto de recursos financeiros e técnicos e apoio aos conselhos comunitários.

Para monitoramento e gestão da evolução dos conselhos comunitários, foram criados 5 indicadores de acompanhamento, atualizados mensalmente, que avaliam: a identidade do grupo, as relações, processos, recursos e relacionamento da empresa e o grupo.

 Leave a Reply

(required)

(required)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

   
© 2016 GVces - Coletivo Sustentável Suffusion theme by Sayontan Sinha